MUNICÍPIO DE IPU REGISTRA 04 (QUATRO) HOMICÍDIOS NOS SEIS PRIMEIROS MESES DO ANO DE 2017.


O município do Ipu, já registrou 04 ( quatro) homicídios no período que corresponde a 1° de janeiro a 1° de julho de 2017.
O levantamento foi feito pelo Blog Ipaporanga Notícias, que constatou que os 4 homicídios foram todos praticados a bala, sendo que 02  foram registrados na sede e 02  na zona rural.

Confira:
O 1° homicídio ocorreu na noite do dia 31 de março de 2017, na localidade de Baixa larga, zona rural de Ipu, onde a vítima foi o agricutor: Antônio Weiner Mendes de Oliveira, nascido aos 13/09/1990, residia na localidade de Baixa larga.
No momento do crime a vítima se encontrava em sua residência quando chegaram dois elementos em um carro e efetuaram vários disparos contra o agricutor que foi alvejado com 21 tiros vindo a obto no local.
Os matadores fugiram em seguida e não foram identificados.

2° O segundo homicidio ocorreu no dia 22 de maio de 2017, em um matagal que liga o Bairro Pedrinhas ao Cemitério da cidade de Ipu, e a vítima foi o foragido da justiça: Ricardo Bernardino de Sousa, vulgo Ricardo Maia, natural de Ipu.
Ricardo Maia foi encontrado morto a bala . Além de ser foragido da justiça a vítima também tinha envolvimento com o tráfico de drogas na cidade .
A autoria do crime ainda é desconhecida.

3° O terceiro homicídio aconteceu no dia 26 de maio de 2017, no Bairro Alto da Boa Vista na cidade de Ipu, e a vítima foi o desocupado: Francisco Glauton de Sousa, 34 anos, residente na Rua Alemanha no Bairro Pedrinhas em Ipu.
A vítima foi morto a bala por dois homens que pilotavam uma moto Bros e que após o crime fugiram sem serem identificados.

4° O quarto homicídio aconteceu no dia 05 de junho de 2017, na localidade de Santana , zona rural de Ipu, onde a vítima foi o deficiente físico:. Iranildo Mota Carvalho, nascido aos 11/03/1987, residia na localidade de Santana região serrana de Ipu .
No momento do crime a vítima se encontrava em um Bar quando chegaram dois elementos armados que passaram a atirar na Vítima que morreu no local.
Em seguida os matadores fugiram sem serem identificados.

Compartilhe

Veja também

Próximo
« Prev Post
Previous
Next Post »